"Amo a vida e espero que cumprida não seja breve, que intensamente seja sentida e leve, até que me leve."

sexta-feira

Uma estrofe...


Os seres humanos têm olhar de ódio

Esqueceram o que é o amor

Os pais mostram armas aos filhos

E os filhos matam os pais

A ganância destrói os corações

E as orações parecem não adiantar

Mas acredite, seja forte, não desista,chegará a hora da salvação

A vida não será como uma rocha.


(Felipe Menezes)

quarta-feira

Quaiscalingudum...


Como todos sabem (mentira, quase ninguém sabe) hoje é o DIA NACIONAL DO SAMBA. (EBAAAAAAAA!)

O samba foi criado há centenas de anos, logo que os baianos desembarcaram da arca de Noé. Em meados de sei lá quando, com a escassez de águadecôco na Bahia, o samba resolveu abrigar-se em outro lugar, o Rio de Janeiro. E foi pelas praias de Copacabana, Ipanema e Piscinão de Ramos que o samba teve maior desenvolvimento e divulgação, sendo o Rio de Janeiro conhecido mundialmente como berço, como habitat natural dessa espécie musical.

Com o passar dos milênios, o samba gerou muitas vertentes de si próprio, assim como o carrapato, que se reproduz sozinho, o samba também o faz. Então nasceram o sambaderroda, sambademesa, sambarroque, sambajazz, sambametal, sambareggae, samborró (samba+forró), sambatango, sambapsytrance, sambafunk, sambamelacueca, sambabaca e samba-little-crying (chorinho), entre outros.

Agregado a esse ritmo contagiante surgiu uma forma única de dançar, de balançar o corpo, um desmelexo, um requebrado inconfundível, que ganha maior força quando executado por mulheres desnudas, como acontece no Carnaval.

O Carnaval é uma festa....
... AHHH, MAS ISSO JÁ É OUTRO ASSUNTO.


Por hoje é só, infelizmente não posso ficar nem mais um minuto com você, moro em Jaçanã, e se eu perder o trem das onze... só amanhã de manhã!



"Quais, quais, quais, quais, quais, quais,
Quaiscalingudum
Quaiscalingudum
Quaiscalingudum..."